A sério que sim
18.12.11

Finalmente, Seguro falou. Mais valia não:

 

“Quero lançar desde Viseu um desafio ao primeiro-ministro: [no domingo] tem uma boa oportunidade para dar uma boa notícia aos portugueses. O Conselho de Ministros vai reunir-se extraordinariamente e eu desafio o primeiro-ministro a que finalmente ponha fim à austeridade e que tome medidas concretas para o crescimento económico e para o emprego no país."

 

Seguro quer o fim da austeridade - quando ela praticamente ainda está no início.

 

Mas não: afinal, "é necessária austeridade para consolidar as contas públicas" mas "não tanta".

 

Se tento seguir as piruetas de Seguro, ainda tenho uma luxação ocular.

link do postPor João Sousa, às 16:12  comentar

 
subscrever feeds
Statcounter
blogs SAPO