A sério que sim
7.9.12

Faço apenas uma leve ideia daquilo que tem sido escrito sobre Luis Amado pelas claques organizadas do socratismo - tascos como o Câmara Corporativa, AspirinaB ou Jugular. Esta ida de Amado à Universidade de Verão do PSD deve-lhes estar atravessada na garganta. Imagino que raras vezes o nome de Judas tenha sido tão amiudadamente invocado em vão.

 

Eu confesso não ter uma ideia formada sobre Luis Amado - nem boa, nem má. Ser-se Ministro dos Negócios Estrangeiros tem destas vantagens: gere-se uma imagem de diplomata, alguém que não chateia muito cá por casa. Recordo-me de críticos do socratismo, como João Gonçalves, terem para com ele uma atitude respeitosa. Talvez isso fosse por, no meio da restante clique socrática, Luis Amado parecer o único capaz de comer com faca e garfo e possuir um mínimo de sensatez e boa-educação.

 

E, convém não esquecermos, Luis Amado experimentou em (muito literalmente, como é dado ver nos primeiros seis segundos deste vídeo) primeira-mão o tipo de gente que é José Sócrates:

 

link do postPor João Sousa, às 15:08  comentar

 
subscrever feeds
Statcounter
blogs SAPO