A sério que sim
25.9.12

O blogue Má Despesa Pública (que presta bom serviço público) chamou a atenção para a Câmara Municipal de Lisboa ter contratado um jurista no final do ano passado - e de este ir receber 74.846 euros por 22 meses de trabalho (cerca de 3400 euros mensais). Isto, só por si, talvez não fosse razão para polémica - não se desse o caso de a CML já ter na sua lista de pessoal 278 outros juristas.

 

278 juristas! Como é que uma Câmara Municipal quase paralisada (e, quando não está, mais valia que estivesse) consegue gerar trabalho suficiente para 278 juristas?

tags:
link do postPor João Sousa, às 10:28  comentar

 
subscrever feeds
Statcounter
blogs SAPO