A sério que sim
20.4.16

Os rapazes e as raparigas do Bloco de Esquerda, há muito sem "causas e desígnios fracturantes" razoáveis, vieram agora para a praça pública/terreiro público exigir a criação de uma novilíngua ou um novidioma: mudar o nome do Cartão de Cidadão porque é "sexista".  O ministro-adjunto Eduardo Cabrita, ao saber disto, saltou da cadeira onde repousava a sua corpulência - e de pronto acocorou-se.

 

Permitam-me não ser sexista ao afirmar que as raparigas e rapazes do Bloco de Esquerda - não passam de imbecis e palermas (ambas palavras/ambos vocábulos sem género definido para não chocar as alminhas/os espíritos das raparigas e dos rapazes do Bloco de Esquerda).

link do postPor João Sousa, às 10:43  comentar

 
subscrever feeds
Statcounter
blogs SAPO