A sério que sim
17.2.17

fragile-packaging-stickers.jpg

Manuela Ferreira Leite defende que Centeno não está fragilizado (e gosto de ver como, agora, a esquerda arremessa as palavras da outrora "velha" como um farol de clarividência). Mas desta vez concordo com Ferreira Leite: estar fragilizado agora implicaria que, algures no tempo, teria estado fortalecido.

link do postPor João Sousa, às 11:09  comentar

16.2.17

pig-sty.jpg

O esganiçado Galamba acusar Marcelo de estar tão implicado como Centeno é, para mim, a mais indiscutível prova de que Marcelo está inocente.

link do postPor João Sousa, às 18:33  comentar

18.11.16

O comportamento iníquo do governo em todo este episódio da Caixa Geral de Depósitos acaba por ter um efeito irónico: é o próprio PS a mostrar que a Caixa devia sair da alçada estatal.

tags:
link do postPor João Sousa, às 10:53  ver comentários (1) comentar

4.2.14

O Público noticia o interesse de Joe Berardo em algumas das obras de Miró que vão ser leiloadas, já não podem ser leiloadas, já podem ser leiloadas, já não vão ser leiloadas. O Público, já que faz tanto alarde em dar um ar cosmopolita a burlões, também podia dizer na mesma notícia quantas centenas de milhões de euros que a pública CGD emprestou a Berardo ficaram por pagar - e isto, só para começar.

tags: ,
link do postPor João Sousa, às 18:22  comentar

15.3.13

O envolvimento da Caixa Geral de Depósitos na La Seda, projecto apadrinhado pelo governo de Sócrates - foi mesmo uma das suas orgulhosas bandeiras -, pode custar ao banco até 500 milhões de euros. O financiamento de Berardo, essa outra bandeira - também orgulhosamente exibida - de Sócrates, pode custar à CGD - segundo algumas estimativas - perto de 300 milhões de euros.

 

Aqui está: dois projectos pelos quais Sócrates deu a(s) cara(s) e o verbo, podem custar à CGD perto de 800 milhões de euros. E sendo a CGD um banco público, há-de ser o contribuinte quem paga uma larguíssima parcela.

 

É só mais uma alínea da herança que o ex-Querido-Líder nos deixou.

link do postPor João Sousa, às 13:16  comentar

20.2.13

 

A Caixa Geral de Depósitos prevê prejuízos de 334 milhões de euros nos próximos dois anos. Quanto deste prejuízo é consequência dos mil milhões de euros empresta(da)dos em 2007 a Joe Berardo e entretanto já considerados irrecuperáveis?

 

Mas tem piada: não vejo a rapaziada do "Que Se Lixe A Troika" fazer esperas a Santos Ferreira, Armando Vara ou Berardo.

tags: ,
link do postPor João Sousa, às 08:44  comentar


 
subscrever feeds
Statcounter
blogs SAPO